Ostra feliz não faz pérola - Rubem Alves


.


"(...)Tragédia era tragédia.Não existia para eles como existia para os cristãos, um céu onde a tragédia seria transformada em comédia.Ele se perguntou então das razões por que os gregos, sendo dominados por esse sentimento trágico da vida, não sucumbiram ao pessimismo.A resposta que encontrou foi da mesma ostra que faz uma pérola:eles não se entregaram ao pessimismo porque foram capazes de transformar a tragédia em beleza.A beleza não elimina a tragédia, mas a torna suportável.A felicidade é um dom que deve ser simplesmente gozado.Ela se basta.Mas ela não cria.Não produz pérolas.São os que sofrem que produzem a beleza, para parar de sofrer.Esses são os artistas.Beethoven - como é possível que um homem completamente surdo, no fim da vida, tenha produzido uma obra que canta a alegria? Van gogh, Cecília Meireles, Fernando Pessoa..."

Your Reply